segunda-feira, 4 de janeiro de 2010

...PARA VIVER O PROCRIAR, BALI



Um ano a mais percorrido. Fui eu que passei pelo tempo ou ele que passou por mim? E lá se vai mais uma década. Como terá sido a anterior a que se acabou? Nem sei mais, mas com certeza dela foi feita toda a paisagem que percorri até agora. Será que sou capaz de mudar as paisagens? Ou de escolher novos caminhos? Talvez, e para tal me disponho a fazer crescer minha idéia sobre harmonia. Talvez sobre o que é alegria. Mais um pouco sobre compreender cada vez mais que a vida tem suas próprias regras, e elas não são as nossas. Diante disso me parece que me indispus mais do que devia, ou poderia. E vivi menos alegrias do que deveria, e podia...emboira não saiba o quanto de verdade há nisso...

Fecho a década com a certeza de que antes dela eu não tinha a mínima idéia sobre como se vive nesse planeta. Fui ao seu outro lado, e descobri também verdades, embora muito diferentes das minhas, das nossas ocidentais. Tive a oportunidade de ampliar meu conceito sobre os homens, sua maneira de enxergar e viver a vida, seu critério de valorização. Passei a perceber que o mundo se torna outro quando se perdeu muito, quando se viveu tempos de guerra, quando não se pode fazer escolhas sobre a própria vida!

Aprendi a passear pelo mundo longe dos hotéis 5 estrelas que deturpam a visão local, e bloqueiam a possibilidade de nos depararmos com a verdadeira cultura. Aprendi a nutrir a minha alma com o contato o mais próximo possível de como a vida é vivida, apreciada, esculpida pela comunidade local. Encantei-me com a minha capacidade, sobre a qual ainda procuro palavras que exprimam tudo aquilo que me nutriu e que com certeza, me transformou num outro ser, mais conectado, flexível, enriquecido com às vezes o som, às vezes o silêncio, desse mundo reverenciado como sagrado, antes tão distante de mim.

Que na década que entra eu possa revisitar a terra onde Brahma criou o paraíso, o céu e o ambiente perfeito para todas as criaturas viverem e procriarem!

0 Comentários:

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial